As votações do PT Awards 2019 começam em breve!16 September, 2019

Os momentos mais marcantes do VMAs

O Video Music Awards é um evento que premia os clipes musicais que mais tiveram destaques no ano e é uma premiação que foi marcada por diversos momentos que ficaram para a história da cultura pop e em comemoração a 36° edição do VMAs que acontece hoje (26) a POPTime listou algumas das performances mais memoráveis de todos os tempos, sem nenhuma ordem particular.

Britney Spears mostra que ”não é tão inocente” (2000)

A atual queridinha da América da época, Britney Spears quebrou a sua imagem menina inocente quando performou um medley com um cover da banda The Rolling Stones ”I Can’t Get No Satisfaction” e um de seus maiores hits ”Oops… I Did It Again”. Usando uma roupa de cor nude e extremamento sensual, Britney foi de movimentos sexys até um break com direito a street-dance, febre do momento.


Miley Cyrus mata Hannah Montana e Robin Thicke é cúmplice (2013)

Provando que o VMAs é o palco principal aonde artistas revelam um lado mais ”rebelde” de si, Miley Cyrus foi o assunto do ano durante 2013 e essa transição foi marcada pela performance que a cantora fez de ”We Can’t Stop”, onde faz twerk, mostra o linguão e ainda sensualiza com Robin Thicke durante ”Blurred Lines”. A performance entrou para a história da premiação e o momento é referência na cultura pop até hoje.

Kanye West e Taylor Swift protagonizando um dos maiores dramas da música pop (2009)

Outro momento que entrou para a história é o famoso ”I’ma let you finish” que Kanye West soltou após invadir o palco e tirar o microfone da mão de Taylor Swift enquanto a loira fazia um discurso de agradecimento pela vitória de ”You Belong With Me” em Melhor Vídeo Pop Feminino. Kanye disse que Beyoncé merecia o prêmio no lugar de Taylor e para quem achou que o drama iria terminar aí, foi apenas o começo.

Beyoncé anuncia sua gravidez durante ”Love On Top” (2011)

Beyoncé anunciou que estava grávida pela primeira vez no final da performance de ”Love On Top” no VMAs de 2011 e seu nome era página inicial de todos os tabloides possíveis na época. A cantora ainda fez uma apresentação com vocais no ponto e provando que a gestação de Blue Ivy não interferiu no seu sucesso de maneira alguma, pelo contrário, apenas a fez crescer como mulher e artista. O público foi a loucura quando Beyoncé desabotoa sua roupa e dá uma leve passada de mão em sua barriga, dando a entender no mesmo momento que sua primeira filha com Jay-Z estava por vir.

Lady Gaga sangra até a ‘morte’ durante Paparazzi (2009)

Lady Gaga provou pela primeira vez que seu reinado na música pop iria durar por anos durante a performance de Paparazzi no VMAs. Com direito a coreografia e figurinos weirdos, Gaga fez uma das apresentações mais marcantes de sua carreira em 2009 e um dos momentos mais históricos da premiação. No final da performance, Lady Gaga sangra e é pendurada morta em uma simbolização de até que ponto a fama pode levar um artista.

Ariana Grande prova que Deus é mulher (2018)

Alguns consideram a edição de 2018 como a pior da história do Video Music Awards, mas é impossível negar que Ariana Grande teve uma das melhores (se não a melhor) performance daquele ano. Com um palco e figurinos remetendo a Grécia antiga, Ariana cantou ”God is a woman” e ainda convidou algumas de suas familiares para se reunir com ela no palco no final da performance. Vale relembrar que todas as dançarinas eram mulheres.

Os medleys de Rihanna (2016)

A edição de 2016 do VMAs foi inteiramente reservada para Rihanna… ou pelo menos foi o que pareceu. Naquele ano, a cantora foi a homenageada pelo Vanguard Award e fez diversas performances de medleys dos maiores sucessos de sua carreira e mais tarde recebeu seu prêmio após um discurso do rapper americano Drake.

Miley, what’s good? (2015)

Após vencer o prêmio de Melhor Clipe Rap com ”Anaconda”, Nicki Minaj fez questão de confrontar Miley Cyrus, a apresentadora da premiação naquele ano, após uma entrevista de Miley para uma revista americana onde a cantora criticava o comportamento da rapper. Nicki chamou a atenção de Miley, que retrucou dizendo que, na indústria, ambas sabem como as coisas podem ser manipuladas. O momento se tornou um viral da internet e a expressão ”Miley, what’s good?” foi uma das mais usadas de 2015.

Britney Spears e a controversa, porém icônica, performance de I’m A Slave 4 U (2001)

A cobra que cercou os braços de Britney Spears durante a performance de ”I’m A Slave 4 U” no VMAs de 2001 é um dos símbolos mais icônicos da carreira da cantora, porém a polêmica que essa apresentação causou não foi pouca. Apesar dos gritos de exaltação do público antes, durante e depois da performance, algumas pessoas não gostaram muito que Britney usou animais em suas apresentação e a PETA (ONG que defende os direitos dos bichos) chegou até a fazer uma nota de repúdio à cantora, mesmo a equipe de Spears alegando que os animais foram todos bem tratados e não sofreram nenhum trauma durante os preparativos do evento.

Katy Perry recriando o icônico look de jeans de Britney e Justin (2014)

Resultado de imagem para britney e justin 2002 vma

Chegando no evento de Lamborghini, Katy Perry e Riff Raff chegaram ao VMAs de 2014 recriando um look todo feito de jeans que Britney Spears e Justin Timberlake usaram na mesma premiação, só que 12 anos antes, em 2002. As peças de roupas fazem parte de uma linha da grife Versace e foi eleita por muitas revistas como o melhor red carpet da premiação naquele ano.

Madonna fazendo história (1990)

Visto por muitos como a melhor performance de todos os tempos da premiação, Madonna entrou para a história com a apresentação de ”Vogue”, uma das faixas mais memoráveis de seu catálogo musical. Foi um dos momentos mais marcantes tanto na carreira, na premiação como na cultura pop. Durante a performance, Madonna e seus dançarinos se caracterizam à merce da Idade Média, com figurinos e um cenário de tirar o fôlego. Cada detalhe dessa apresentação é extremamente bem feito, vale a pena assistir.

Madonna, Britney Spears, Christina Aguilera e a reação de Justin Timberlake (2003)

Se em 2002 Britney e Justin chegaram no VMAs literalmente colados num jeans apertadinho, em 2003 a história foi diferente. Após o término do namoro entre o príncipe e a princesa do pop, Britney deixou Justin chorando rios após dar um beijo em Madonna durante o medley de ”Like A Virgin” e ”Hollywood”. A reação de Justin (3:45 no vídeo) foi tão espontânea e icônica que chegou a ofuscar o beijo que Madonna também deu em Christina Aguilera. A MTV chegou a cortar o beijo entre Madonna e Xtina apenas para mostrar a cara de Justin durante o VMAs. Outro momento marcante que a performance rendeu foi a rainha do pop saindo de dentro e um bolo para cantar junto com Britney e Aguilera.

Lady Gaga de drag em You & I (2011)

Provando ser uma performer versátil, Lady Gaga fez história ao se montar de Jo Calderone, personagem criado pela mesma no vídeo da canção ”You & I” que foi performada pelx mesmx naquela noite. Caracterização e atuação foi o que não faltou na apresentação.

Onde começa, termina (2017)

Na edição de 2017, Taylor Swift fez uma premiere exclusiva do clipe de ”Look What You Made Me Do” e foi o assunto pro restante do ano com o início da era ”reputation”. O vídeo, recheado de indiretas, quebrou o recorde de maior visualizações do Youtube na época. Na letra da música, Taylor faz uma clara referência a Kanye West no começo da música e termina de uma vez por todas a polêmica que começou 8 anos mais antes, em 2009, provando que saiu da batalha como vencedora.

Britney Spears e a performance de ”Gimme More” (2007)

Que 2007 foi o pior ano da vida de Britney Spears não é novidade para muitos. A performance que a cantora fez no VMAs daquele ano com ”Gimme More” só refletiu o inferno que a cantora havia passado nos últimos anos de sua vida e apesar de muitas falhas, a apresentação entrou para a história provando que a eterna princesa do pop é icônica de um jeito ou de outro. É considerada como um dos maiores desastres na carreira de Britney que foi recompensado no ano seguinte quando a mesma subiu no palco para receber os prêmios de Vídeo Do Ano, Melhor Vídeo Feminino e Melhor Vídeo Pop por ”Piece Of Me”.

Vestida de carne, Lady Gaga vence o Vídeo Do Ano (2010)

Lady Gaga é um ícone fashion e o VMAs de 2011 provou isso mais ainda. Vencedora de 8 prêmios naquela noite, Gaga subiu ao palco para receber o título de Vídeo Do Ano por ”Bad Romance” e se emocionou. A cantora ainda fez um acapela de um trecho de ”Born This Way”, que seria o carro-chefe se seu próximo álbum em 2011.

 

16 anos • preso no ensino médio & redator do Portal POPTime.